Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Aqui, sem ti

Aqui, sem ti

Na fase da negação.

Não, não e não, mas no fundo sim, sim e sim.
Consigo negar, conseguimos negar o que pode ser a oportunidade de sermos felizes, de termos o que precisamos. 
Não percebo o que quero, se te quero ou se algum dia te vou querer.
Mas sei que neste momento estava a gostar de te ter comigo, lá ao pé de mim, eras o que eu estava a precisar, mas ja mudou, tudo muda.
Nunca demonstro nada.
Será que faço mal?
Só demonstro algo por quem não merece.
Deixas-me confusa, e acredita que bastante.
Estavas a ser o meu braço direito.
Sabes muita coisa sobre mim.
Obrigada por me teres ouvido.
Desculpa chatear-te.
Mas eu também gosto que me chateies.
Não sou fácil.
Adoro-te mas estou na fase da negação.